sábado, 11 de fevereiro de 2017

Igor Alves marca duas vezes e Tricolor vence de virada em Maceió.



O Itabaiana conseguiu sua primeira vitória na Copa do Nordeste.

A equipe Tricolor jogou com sabedoria e venceu de virada o CSA em pleno estádio Rei Pelé em Maceió.

Não é a primeira vez que o Tricolor da Serra consegue uma proeza desta em terras alagoanas. 


A equipe sofreu um gol de pênalti duvidoso marcado pelo árbitro baiano Marielson Alves Silva aos 27 minutos do segundo tempo, mas teve forças para em 10 minutos empatar e virar o jogo.


A equipe mostrou que tem maturidade e poder de reação. Apesar do setor defensivo fazer sua parte, sobretudo, o quase intransponível goleiro Genivaldo, ficou mais uma vez evidenciada a dificuldade que a equipe serrana tem em relação à transição rápida meio/ataque. Mesmo assim, em nenhum momento a equipe do CSA foi soberana no jogo. Houve um equilíbrio muito grande entre ambas as equipes, com uma leve vantagem para o Itabaiana.


Após sofrer o gol, brilhou a estrela do técnico Aílton Silva que promoveu imediatamente a entrada do meia-atacante Igor Alves, que, em apenas dois lances definiu o jogo a favor da sua equipe.


Com a vitória, o Itabaiana chega aos 04 pontos ganhos e entra de vez na briga por uma das vagas na próxima fase da Copa do Nordeste.


O técnico Aílton Silva utilizou os seguintes jogadores:

Genivaldo, Magno, Héverton, Tiago Garça e Janilson Madona; Hércules (Zaqueu), Daniel Paraíba, André Beleza (Igor Alves) e Geovane; Paulinho Macaíba e Diego Neves (Thomas Anderson).


As equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 25/02 às 16h no estádio Etelvino Mendonça em Itabaiana pela 4ª rodada da Copa do Nordeste.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

São Genivaldo!





Em noite de gala, goleiro Genivaldo evita vexame tricolor na Arena Batistão.


Diferentemente das partidas anteriores onde o Itabaiana foi detentor da maior posse de bola e das melhores chances de gol, ontem no primeiro clássico do ano contra o Confiança, a equipe deu mostras claras que sentiu a sequencia de jogos, sobretudo, o pequeno intervalo entre o jogo pela Copa do Nordeste na última quinta-feira e o clássico desse domingo.

Aliás, a respeito da confecção da tabela do Sergipão 2017, o diretor de futebol Adailton Sousa em entrevista ao repórter Aílton Lira da FM Itabaiana disparou:

" A tabela do campeonato sergipano é feita para dar os times da capital. É injusto e desumano o que estão fazendo com o Itabaiana; justamente com a equipe que carrega nas costas os maiores públicos e as maiores rendas do nosso futebol. Mas, ninguém vai ganhar do Itabaiana fora de campo não", desabafou o dirigente.


O jogo:


O Itabaiana começou sonolento, errando muitos passes e chamando o adversário para o seu campo. O Confiança por sua vez, adiantou a marcação e obrigou ao Itabaiana lançar mão de um velho e ultrapassado artifício que é a ligação direta entre defesa e ataque. Mesmo porque, em nenhum momento desde a sua apresentação a equipe do técnico Aílton Silva deixou de colocar a bola no chão, de pé em pé.

Pois bem, visivelmente fatigados, alguns jogadores não conseguiam trocar três passes certos;  Diante desse quadro, o técnico Aílton Silva poderia ter feito pelo menos duas substituições ainda na primeira etapa, por volta dos vinte minutos de jogo.

Como o Tricolor não conseguia segurar a bola do meio pra frente, a defensiva ficou exposta às diversas investidas do time azulado.

Foi aí que entrou em cena o excelente goleiro Genivaldo. Com defesas improváveis, o jogador foi aniquilando uma por uma as chances de gol do time da capital.

Méritos também do preparador de goleiros André Godoy que vem realizando um grande trabalho desde a temporada passada.



                                                foto arquivo do Blog


Já para o Itabaiana, restou alguns poucos lances de contra-ataque, principalmente com as entradas do lateral Magno e do atacante Fabinho Cambalhota, mas ficou nisso: Confiança 0x0 Itabaiana.

Com o resultado, ambas as equipes e mais o Sergipe dividem a primeira colocação com sete pontos ganhos.


O Itabaiana já voltou aos treinos na tarde de hoje em preparativo para mais uma pedreira que é o jogo da próxima quarta-feira contra a Amadense no campo Brejeirão em Tobias Barreto.

A partida está marcada originalmente para às 20h15, embora a administração pública municipal - proprietária do campo - afirme que só abrirá os portões se o jogo for antecipado para às 15h30, com a alegação que precisa conter os gastos com o consumo de energia elétrica.



O técnico Aílton Silva utilizou os seguintes jogadores:

Genivaldo, Ney Maruim (Magno), Héverton, Tiago Garça e Janilson Madona; Hércules (Vinicius Gollas), Zaqueu, André Beleza e Chapinha (Fabinho Cambalhota); Geovane e Diego Neves.




terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Tricolor estreia com vitória no Sergipão 2017.

Desde o início do jogo que o Itabaiana demonstrou superioridade. 

Apesar de ter tido um susto por volta dos cinco minutos da primeira etapa, onde o atacante lagartense cabeçeou a bola para fora mesmo livre de marcação, o Tricolor foi dono das ações e das investidas contra o gol adversário.

Se ressentindo muito de bolas pelas laterais do campo, o Itabaiana que, sabidamente, tem jogadores muito qualificados no meio, buscava incessantemente as jogadas por aquele setor de campo.

Contrariando minha afirmativa anterior, foi justamente numa joga pelo lado de campo que o atacante Paulinho Macaíba serviu o meia Geovane que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes, marcando o único gol da partida que culminou com a vitória da equipe serrana.


Geovane



Apesar do placar magrinho, não foi essa a tônica do jogo no segundo tempo. O Itabaiana criou pelo menos umas oito chances reais de gol, daquelas que de vez em quando a gente diz: " essa, até minha vó faria". 
Em contrapartida, a equipe do Lagarto se contentava em apenas tentar neutralizar as investidas tricolores e, esporadicamente chegava em bolas aéreas ao gol defendido pelo ótimo goleiro Genivaldo.


Se o Itabaiana tivesse um pouco mais de eficiência nas finalizações, poderia ter aplicado uma goleada histórica e vexatória nos lagartenses.

Após o jogo, o discurso foi uníssono entre os jogadores do Itabaiana: " O importante mesmo são os três pontos, todavia, precisamos caprichar mais nas finalizações. Chances perdidas assim, acabam fazendo falta no final de uma partida".


Pouco mais de duas mil pessoas pagaram para ver a estreia do Tricolor.


O técnico Aílton Silva utilizou os seguintes jogadores:

Genivado, Mika (Zaqueu), Héverton (C), Tiago Garça e Edinho; Hércules, Daniel Paraíba, Chapinha e André Beleza (Fabinho Cambalhota); Geovane e Paulinho Macaíba (Diego Neves).





A equipe serrana entra em campo mais uma vez no próximo domingo no estádio Etelvino Mendonça em Itabaiana, para enfrentar a A.D. Frei Paulistano.


Acompanhe algumas imagens do jogo:
















fotos: Zefinha Schmidt

domingo, 11 de dezembro de 2016

Copa Verão de Futebol de Base.




Foi realizada ontem com muito sucesso no Complexo Desportivo do SESI em Itabaiana, mais uma edição da Copa Verão de Futebol de Base. O torneio é uma idealização dos instrutores Edilson e Nem, e contou com a participação de mais de 200 garotos nas categorias sub-12, 14 e 16.

O campeão na sub-12 foi a escolinha América Futebol, enquanto que a escolinha Tricolor - que não tem vínculo nenhum com a AOI - sagrou-se campeã na sub-14 e sub-16.

Parabéns aos organizadores que, mesmo sem o apoio das autoridades públicas locais, realizaram mais um grande evento, revelando ótimos talentos .

Enquanto o Itabaiana despreza as categorias de base em detrimento de apenas preocupar-se com o futebol profissional onde todos os anos são contratados cerca de sessenta a setenta jogadores de aluguel, pessoas como Edilson, Nem e João, seguem às duras penas, proporcionando lazer à centenas de garotos e, mais do que isto, descobrindo talentos que podem ter um futuro brilhante na carreira de atleta profissional, além de fazer a inclusão social e, em muitos casos, retirar vários garotos do mundo dos pequenos delitos .











domingo, 21 de agosto de 2016

Goleiro Max fez a diferença e colocou o Itabaiana entre os oito melhores do Brasil na série D.



Max


Com gols de Fabiano (El Tanque) e Léo Paraíba, Tricolor elimina o Campinense e está a dois jogos do acesso à série C em 2017.

O grande herói da façanha Tricolor na noite de hoje chama-se Max. Contestado injustamente em algumas ocasiões, Max deixou o campo de jogo como o grande responsável pela classficação do Itabaiana às quartas de final da série D.

O Itabaiana bem que poderia ter aliviado a tensão dos torcedores se tivesse aproveitado duas chances claras de gol ainda no primeiro tempo, todavia, o Campinense também criou excelentes chances, mas parou nas incríveis defesas do goleiro Max.

Mal começou a segunda etapa e Fabiano de pênalti tratou de diminuir a vantagem da equipe paraibana.





Aos 42 minutos, eis que o presestinado Léo Paraíba entrou mais uma vez no decorrer da segunda etapa, e, após um ótimo cruzamento de Diogo Pereira colocou o Itabaiana no páreo. Explosão de alegria no Etelvino Mendonça.




Com o placar final de 2x0, a decisão da vaga para a fase seguinte fora definida nos pênaltis. 

O Campinense pagou caro com a eliminação pelo fato do técnico Paulo Moroni ter colocado em campo um time demasiadamente covarde e sem apetite nenhum pela vitória.

O goleiro Max confirmou sua noite de gala e defendeu 3 das 6 penalidades cobradas.

Este jogo serviu também para consolidar o nome do jovem Fred que, nas últimas duas partidas demonstrou que tem qualidade técnica e principalmente espírito guerreiro.

O Itabaiana vai enfrentar na próxima fase a forte equipe do São Bento de Sorocaba da poderosa Federação Paulista. O vencedor deste confronto ascenderá a série C em 2017.

Os horários dos jogos deverão ser divulgados amanhã pela CBF. Sabe-se que o primeiro jogo acontecerá na próxima segunda-feira às 20h aqui em Itabaiana.


O Tricolor da Serra jogou, venceu e se classificou com:

Max, Anderson Sorriso, Tiago Garça, Heverton e Edinho; Jo, Daniel Paraíba, Elyeser (Diogo Pereira) e Igor (Fred); Fabiano e Paulinho Macaíba (Léo Paraíba).





Parabéns aos jogadores pela garra e determinação empreendida hoje; parabéns também ao Prof. Felipe França pela ótima condição física da equipe e, parabéns aos verdadeiros torcedores que presenciaram um jogo épico e emocionante.


Veja mais algumas imagens por Juan Gabriel:





Edinho


segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Na garra, Tricolor elimina o Lagarto e garante vaga nas finais do sergipano sub-19.




Na tarde do último sábado, o sub-19 do Itabaiana venceu por 2x1 a equipe do Lagarto e garantiu vaga nas finais do campeonato sergipano de futebol sub-19. Os gols do Tricolor foram marcados pelo atacante Wagner.




Com a vitória, a equipe serrana também conquistou mais uma vez a condição de disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior, a mais importante competição da categoria em todo o mundo.





O jogo foi muito travado e em alguns momentos quase enveredou para a pancadaria. Durante toda a semana jogadores das duas equipes trocaram farpas pelas redes sociais, entretanto, ao apito final do árbitro Izail Torres, a garotada tricolor comemorou a vitória e a conquista do direito de decidir o campeonato sergipano. O adversário do Itabaiana será o Estanciano que eliminou o Sergipe. A decisão será realizada em duas partidas, provavelmente ambas devem acontecer na Arena Batistão em Aracaju, fato que desagradou as duas equipes. "Não é justo que na hora do filé, a Federação Sergipana retire de nós torcedores que acompanhamos até agora, o direito de assistir e apoiar nossa equipe", destacou o torcedor Pedrinho do Itabaiana.





Em meio a tantas dificuldades e privações vivenciadas todos os dias, os jogadores e a comissão técnica do Sub-19, comandada pelo treinador Serginho Baiano estão de parabéns pela maneira com que defenderam e respeitaram as cores e a tradição da Associação Olímpica de Itabaiana. 
Se por algumas vezes não fora possível mostrar um futebol de alta qualidade técnica, a garra e a vontade de vencer sempre foram aliadas deste grupo.
Na comissão técnica há um respeito mútuo e as vaidades pessoais foram colocadas de lado em prol de um projeto homogêneo. 




"No sub-19 não há o "meu" time, e sim o "nosso" time. Talvez daí consigamos extrair a fórmula do sucesso", destacou o técnico Serginho.





Parabéns a todos que estão envolvidos neste projeto. Parabéns ao ex-presidente do Itabaiana Eduardo Almeida que foi, sem dúvida nenhuma, o grande entusiasta desta parceria. Se não fosse pelo interesse de Eduardo, dificilmente o Itabaiana teria disputado o campeonato.


Destaque também para a Torcida Jovem Tricolor que se fez presente e apoiou a garotada do início ao fim.




Logo após a partida, os irmãos Evandro e Emilson Noronha, através da Campanha SOS Tricolor proporcionaram à garotada e à comissão técnica, um jantar de confraternização em um dos restaurantes da cidade. 


Passado o momento da euforia pela conquista da vaga de finalista, a equipe de Serginho Baiano retorna aos treinamentos nessa terça-feira, buscando o aprimoramento para enfrentar o Estanciano em duas partidas que valerão o título estadual de 2016.


Parabéns a todos vocer pela humildade e a garra.







Acompanhe mais algumas imagens: