quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Real Moitense melhora finalização e vence o Tigre-PE.


Na tarde de ontem, pela terceira rodada da Taça Brasil de Futsal, o Real Moitense conseguiu uma grande vitória sobre um dos maiores rivais do futsal nordestino, o Tigre de Pernambuco, pelo placar de 2x0, os dois gols marcados por Neto Negão.
Foi um jogo eletrizante, de um lado o Tigre, que buscava sua segunda vitória dentro da competição e, do outro o Real Moitense, tentando afastar o fantasma do rebaixamento.E por falar em rebaixamento, após o jogo, emocionado, o técnico Wilson Mendonça desabafou: "essa vitória vai para aqueles que querem ver o futsal sergipano igual ao futebol profissional, na quinta divisão.Não admito que pessoas que não entendem nada de futsal e nunca fizeram nada pelo esporte, faça comentários depreciativos e com tom de gozação.Se depender de mim, trabalharei de graça, mas o futsal sergipano não pode acabar, como querem algumas pessoas.O futsal de Sergipe não tem dono, ele é de todos nós que amamos este esporte", disse.


Neto Negão


A partida teve a narração vibrante de Leal Júnior pela Rádio Jornal.No intervalo do primeiro para o segundo tempo do jogo, o presidente da FSFS, Dr. Manoel Cruz, fez uma intervenção via telefone, por discordar  da informação de que a Federação Sergipana de Futsal não colaborou em nada com a ida do Real Moitense à Jaraguá do Sul-SC.Sobre o assunto, o presidente disse, referindo-se a opinião do repórter Beto Silveira: " Beto, não estou entendendo essa sua campanha contra a Federação, talvez voce não saiba, mas procure saber com a diretoria do Real Moitense qual foi o apoio dado por nós à equipe de Moita Bonita", disse.
Quero esclarecer que não há nenhuma campanha contra quem quer que seja, apenas relatamos a angústia do técnico Wilson Mendonça e do dirigente moitense Marconde (Birro), sobre as dificuldades para honrar a participação do Real Moitense na competição em andamento.
Também lembramos que os cargos de qualquer Federação, são de interesse público e transitórios, ninguém é dono de nada.Estamos preocupados e atentos para não deixar o futsal se transformar na ditadura que é o futebol de campo, só isso.
Volto a falar o que sempre falei: "A coisa pública precisa de transparencia e, se for tão ruim assim, é só largar".
Por tudo que o futsal sergipano enfrentou no ano de 2010, acredito que seja a hora do presidente Manoel Cruz fazer uma faxina em prol do esporte campeão brasileiro de seleções.

Um comentário:

  1. Bom Dia Beto,


    Ontem escutando, mais uma vez, a Brilhante narração do Leal Junior, vale ressaltar e parabenizar pela narração de número 801, como ele mesmo falou, com os seus precisos comentários, lembrei da época de 2007, ainda quando o Netinho jogava pela equipe do São Bento, no paulista sub-17, o quanto ele ficou conhecido, por roubar bolas dos volantes e zagueiros, com a sua importante abertura de pernas, como o Leal frisou ontem em sua narração. No próprio São Bento, ele apesar de ser atacante, era o Número 1 em roubadas de bolas, diziam que ele tinha um compasso diferente e que não se podia parar com a bola na frente dele. Ontem eu voltei no tempo, e fiquei Feliz em poder escutar que o meu garoto, foi mais uma vez importante num jogo, assim como o foi no São Bento e no São Paulo. Não desmerecendo nenhum dos atletas do Moita, pois todos sem exceção, são verdadeiros guerreiros, e mesmo sem o devido apoio que era necessário, estão lutando para fazer com que nosso estado não perca o espaço na divisão especial do futsal brasileiro. E para finalizar, quanto ao "meu" Netinho, vale ressaltar que foram 3 anos de trabalho com ele, tenho certeza absoluta que ele irá voltar a trilhar os caminhos do campo, a partir de Dezembro.
    Parabéns Beto pelos comentários.
    Parabéns Leal, pela narração.
    Parabéns Galego, Pelo magnífico comandante que estas sendo.
    Parabéns atletas do Real Moitense, pelos bravos guerreiros que os sãos, e saiba que um estado está parando para acompanhar as batalhas que vcs estão travando, e todos tem a certeza que contra o Krona/Joinvile, os bravos guerreiros não fulgirão a luta, nem temem e jogam até a morte, Terra adorada, Futsal de Sergipe, és tu Real Moitense, Ó pátria amada, Moita Bonita/Brasil.

    Abraços e Boa Sorte a todos Amanhã,


    Laerte de Menezes
    www.fairplayct.com.br

    ResponderExcluir

A sua opinião é livre.