sábado, 21 de abril de 2012

Futsal: No melhor jogo da competição, Glória garante vaga na final.



Ontem no ginásio Leon Gregório em N.S. da Glória, a equipe da casa e o município de Itaporanga protagonizaram talvez, o melhor jogo até agora da Copa da TV. Para Glória, apenas um empate bastava, mas para Itaporanga, só a vitória a levaria para a final.
E foi justamente a equipe do sul sergipano que tomou a iniciativa. Mostrando um futsal alegre e muito ofensivo, o time do técnico Jorge Luiz pressionou e, como a máxima do "quem não faz, leva" sempre prevalece, foi num contra-ataque rápido que Glória chegou ao primeiro gol através do pivô Luciano. A vantagem no placar não demorou muito tempo para o time do técnico Wilson Mendonça, pois 40 segundos depois, Mamá empataria a partida, e ficou nisso, 1x1 no primeiro tempo de jogo.

Na segunda etapa, Itaporanga voltou da mesma forma, todavia, mais uma vez, Glória marcou primeiro através de Mardney. Para o técnico Jorge não havia outra solução se não, colocar em quadra o goleiro-linha e, foi justamente numa jogada envolvente que, de novo, o bom jogador Mamá empatou a partida. Daí para frente, o jogo ficou dramático, pois um gol para Itaporanga eliminaria Glória e silenciaria os mais de 3.000 torcedores presentes no ginásio. 
Itaporanga pressionou, pressionou, mas, numa jogada equivocada com o goleiro-linha, Carlos roubou a bola e mesmo caído, chutou do seu campo, a bola foi "morrendo" devagarinho até o fundo das redes. Era o gol da classificação. Era festa na cidade de Glória.

Carlos - autor do gol da classificação

Após a partida, jogadores e torcedores de Itaporanga reclamaram muito da arbitragem, principalmente de Jaílson dos Santos, pois, num lance de contra-ataque, o atleta Mardeny adentrou à quadra sem autorização, ficando o time de Glória com seis jogadores, número excessivo e ilegal. A revolta ficou por conta da não expulsão do jogador gloriense.

Ânimos acalmados, Glória só quis saber de comemorar a classficação para a final da Copa da TV. Pela 9ª vez, em nove edições, o técnico Wilson Mendonça chega para decidir o título. Vale lembrar que o mesmo Wilson Mendonça - Galego - foi campeão de todas a edições anteriores por equipes diferentes.

A arbitagem ficou a cargo dos senhores Neifran Diniz e Jailson dos Santos, tendo como anotadora, a senhora Mõnica e como cronometrista, o senhor José Crispim.
Foi uma arbitragem tranquila, registrando apenas esse lance polêmico.

Uma reunião nas próximas horas, definirá se a final entre Glória Futsal  x  Lagarto, será apenas um jogo em quadra neutra ou serão dois jogos, um em cada cidade. Aguardemos então.

O jogo teve a transmissão exclusiva da: www.radioeducadoradefreipaulo.com.br  em cadeia com a FM Boca da Mata de N.S. da Glória, com os profissionais Leal Júnior, Beto Silveira, Evandro Noronha e Alexandre Pingo.


Acompanhe algumas imagens no clik de Thiago Barbosa (globoesporte.com/se):


Jorge Luiz - técnico Itraporanga



Wilson Mendonça - técnico Glória Futsal



Jogadores comemoram com a torcida


Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua opinião é livre.