sábado, 11 de agosto de 2012

Tricolor joga daqui a pouco contra o Conquista, buscando a primeira vitória fora de casa.

O guerreiro Raulino volta ao meio de campo ao lado de Deivid
Após os empate em 0x0 no último domingo contra o CSA/AL em casa, o Itabaiana praticamente deu adeus a disputa da série "D" em 2012.
A equipe Tricolor da Serra errou muito nas contratações e acabou pagando um preço muito alto, com a possível eliminação ainda na fase classificatória. 
No último domingo, tanto o Itabaiana quanto o CSA, abusaram da incompetência ofensiva. Desperdiçaram inúmeras chances reais de gol. Os grandes nomes do jogo foram os goleiros Max (Itabaiana) e Flávio (CSA), que, com defesas incríveis garantiram o 0x0 no placar.
O técnico Ubirajara Veiga utilizou os seguintes atletas:
Max, Fabiano (Bibi), Jalnir, Valdson, Edson e Júnior; Deivid, Jailton (Paulo Santos) e Thiago Corrêa; Roni (Klenisson) e Luciano Fonseca.
Após o jogo, a diretoria do campeão sergipano, dispensou seis jogadores; cinco por deficiência técnica e um por indisciplina, foram eles: Duílio, Dinei, Kléber Goiano, Paulo Santos, Claudiney Rincon e Rena.
Hoje, às 16h,  o Itabaiana enfrenta o Vitória da Conquista/BA fora de casa, e precisa mais do que nunca de uma vitória, para pelo menos, não terminar na "lanterninha" do seu grupo.
A diretoria do Itabaiana pretende, após a participação da equipe no brasileiro da série "D", fazer uma ampla reforma na parte administrativa e, principalmente no departamento de futebol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua opinião é livre.