segunda-feira, 12 de maio de 2014

"Meninos Tricolores" confirmam melhor campanha e o título justo.



O Itabaiana sub-19 empatou ontem pelo placar de 1x1 com o Confiança no estádio Presidente Médici. O último jogo do campeonato sergipano fora apenas para cumprimento de tabela, já que o Tricolor da Serra conquistou o título de campeão com duas rodadas de antecedência.
Após a partida, os “meninos tricolores” receberam o belo troféu e as respectivas medalhas das mãos do Presidente da FSF (Federação Sergipana de Futebol) Sr. Carivaldo de Souza e do Presidente da AOI, Sr. Edivaldo Lima.
Com uma campanha irrepreensível, onde foram 17 jogos, com 13 vitórias, 03 empates e apenas 01 derrota; com 52 gols prós, 17 contras e um saldo positivo de 35.

Mais uma vez, parabéns aos bravos garotos do sub-19 e à comissão técnica do Itabaiana, pois tiveram a dedicação e a manutenção do foco principal, apesar de todo tipo de adversidade e falta de apoio.

Vejam algumas imagens nos clicks de Juan Gabriel:














 
Ricardo, Celso, Teko, Jajá, Iury e Fábio
Lelê, Ícaro, Sinval, Daniel Tavares, Everlan e Lismar

Já nos profissionais, sob o comando do técnico Ferreira, a equipe mostrou uma vontade não vista em toda a competição, tanto é que venceu de virada pelo placar de 2x1 a equipe do Confiança, que brigava diretamente pela primeira colocação na fase classificatória.
Os gols do Itabaiana foram marcados pelo zagueiro Celso e pelo meia-atacante Everlan.

Apesar da boa vitória, o Itabaiana dependia de um tropeço da Socorrense, fato que não aconteceu, ocasionando a eliminação precoce da equipe tricolor no certame 2014.

Zagueiro Celso comemora gol de empate

Ao final do jogo, ainda no gramado do estádio Médici, um grupo de torcedores, capitaneado por Renatinho (R2016) e o vice presidente do Conselho Fiscal, o competente fisioterapeuta Marcelo Nunes prestou uma singela, verdadeira e justa homenagem ao goleiro Fábio, inclusive, vários outros torcedores, crianças, jovens, adultos e idosos, imploraram para que o goleiro continue no Itabaiana em 2015.

Veja alguns momentos nos clicks de Eldon Santana:















Na contra-mão do sucesso e do reconhecimento ao goleiro Fábio, a desorganização e a fogueira das vaidades fora de campo foram os principais adversários do Tremendão da Serra na temporada 2014. Durante toda a competição foi visível a intranquilidade que os jogadores entravam em campo, reflexo do que se passava nos bastidores da equipe.

Alheio a alguns poucos jogadores que vieram à Itabaiana apenas para passear, a maioria, a exemplo de Fábio, Celso, Sinval, Ícaro, Lismar, Lelê, Jajá, dentre outros, lutaram, mas infelizmente o Itabaiana perdeu dentro das suas hostes, ou seja, para ele próprio.

Já está se tornando praxe o ano laboral do Itabaiana ter apenas cinco meses de competição. É pouco, muito pouco para uma agremiação com a tradição da gloriosa Associação Olímpica de Itabaiana.

Fica a decepção e a tristeza da torcida e, a lição de como não fazer futebol dito profissional.


Que venha 2015 e como ele seriedade, humildade, responsabilidade e competência. E que Deus nos ajude e nos livre dos falsos salvadores da pátria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua opinião é livre.