segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Gol no último minuto, evita derrota do Tricolor na estreia da série D.


Num jogo extremamente fraco em termos técnicos, Itabaiana e ABC/RN ficaram no empate em 1x1 na estreia do brasileiro da série D.

Tanto Jaelson Marcelino (Itabaiana), quanto Francisco Diá (ABC) deixaram o campo de jogo decepcionado pelo futebol praticado na tarde de ontem.

O jogo poderia ter tido outra dinâmica se o atacante Thiago Santos tivesse aproveitado a chance incrível aos 30 segundos de jogo. Depois disso, o ABC foi tomando as ações e acabou a primeira etapa vencendo por 1x0, gol do Tibiri aos 30 minutos.

Para a segunda etapa, o técnico Jaelson Marcelino fez algumas alterações, o que deu uma movimentação maior do meio para frente na equipe sergipana.

Apesar do bom desempenho de Birungueta e William, o atacante Thiago Santos - autor do gol Tricolor - ficou a maior parte do jogo isolado no ataque, sem o devido municiamento. 

As laterais não funcionaram como deveriam, principalmente a participação de Carlos Henrique pelo lado direito, ficou aquém do seu potencial.

Já Caetaneo, fez o que pode enquanto teve condições físicas.

Destaque para o ótimo segundo tempo do experiente volante Jacobina e, da boa entrada do africano Koff. 

Apesar de não ter sido tão exigido, outro que fez uma boa partida e mostrou que será muito importante para a sequencia da competição, foi o goleiro Cris que, mesmo após alguns falhas do bloco defensivo, o goleiro mostrou boa colocação e agilidade.

No cômputo geral, o resultado de empate não foi tão ruim assim, a julgar pela diferença estrutural do adversário, onde sua folha salarial supera em quatro ou cinco vezes os recursos do Itabaiana.

Vergonhosa mesmo foi a pseudo transmissão do aplicativo MyCujoo. Imagem péssima e travamento em toda transmissão. Dessa forma é melhor nem divulgar que vai transmitir. Falta de respeito com os torcedores do ABC e do Itabaiana. 

Outro aspecto bastante comentado pela mídia que acompanhou o jogo, foi o ridículo uniforme do Itabaiana. Sobre este assunto, conversei imediatamente após o jogo com o gerente de futebol Gilberto Nunes, onde o mesmo me explicou que, os uniformes que seriam utilizados durante o jogo de ontem acabaram sendo extraviados na remessa que deveria ter sido desembarcada no aeroporto de Aracaju e, acabou seguindo para Salvador.

A empresa WA e o Itabaiana já solicitaram da empresa aérea que a mercadoria seja localizada o mais rápido possível e entregue ao destinatário.

Obviamente que alguns cronistas e  torcedores mais exigentes esperavam mais da equipe serrana, todavia, precisamos compreender a atual realidade que vive o Tricolor da Serra após o sucateamento da gestão afastada. Isto é o que temos para o momento e, precisamos fazer nossa parte, apoiar.

A equipe retoma seus treinamentos nessa terça-feira, e o técnico Jaelson Marcelino deverá fazer algumas alterações para o jogo de domingo contra o Central em Caruaru.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua opinião é livre.